quarta-feira, 27 de junho de 2012

Tragédia no Motocross – Aos 29 anos, o tricampeão brasileiro João “Marrozinho” Paulino sofre acidente fatal…

Mais uma tragédia no motociclismo esportivo brasileiro; o catarinense João “Marronzinho” Paulino, tricampeão brasileiro de motocross, morreu nesta terça feira, durante um treino preparatório para a próxima etapa do Campeonato Brasileiro. No momento não tenho palavras para expressar a tristeza pela perda de um grande piloto e um amigo extraordinário. Abaixo algumas notícias sobre o acidente…



==================================================================================
Marrom Pai, Marronzinho e o mecânico Tita
Crédito: Grupo Geração / pb2
Nota de falecimento: João ‘Marronzinho’ Paulino
Marronzinho sofre acidente fatal durante treino na pista de Potecas, em São José, Santa Catarina
É com extremo pesar que a equipe Yamaha Grupo Geração Monster Energy Circuit, seus colaboradores e patrocinadores comunicam o falecimento do piloto João Paulino da Silva Junior, o Marronzinho.

O atleta faleceu por volta das 11h desta terça-feira, 26, na pista de Potecas, em São José, Santa Catarina. De acordo com o laudo médico, um traumatismo craniano causou a morte do piloto de 29 anos.

O enterro será às 16h desta quarta-feira, 27, em Laguna, Santa Catarina, cidade natal do piloto. O velório acontece no Centro Cultural de Laguna, localizado ao lado da Igreja Matriz.

Marronzinho estava em São José, na Grande Florianópolis, para treinar ao lado de Carlos Campano e Gabriel Gentil, colegas de time. Ele sofreu a queda na seção de costelas (sequência de obstáculos). Quando o socorro aéreo chegou ao local, já estava sem vida.

João Paulino da Silva Junior deixa a esposa e um filho de quatro anos. Era tricampeão brasileiro de motocross, campeão da Superliga Brasil de MX, multicampeão catarinense e competia profissionalmente desde 1991.

“A sensação de perda é como se um filho tivesse ido. Perdemos um amigo, um irmão, muito mais que um atleta. O Marronzinho era exemplo dentro da equipe. Era o mais experiente, amigo, companheiro, responsável. Foi uma fatalidade. Estamos todos muito tristes”, afirma Sandro Garcia, diretor do Grupo Geração.

A equipe Yamaha Grupo Geração Monster Energy Circuit provém seguro de vida para todos seus atletas. O contrato de Marronzinho era até o final da temporada 2012, para disputa do Brasileiro de Motocross, Superliga Brasil de MX e Arena Cross.

Marrom ocupava a nona colocação da categoria MX1 no BrasileiroMX e a sétima posição da MXPró da Superliga.
Atleta ocupava a nona colocação no Brasileiro de Motocross 2012
Crédito: Grupo Geração / pb2

Confira os títulos da carreira de Marronzinho
1991 – Campeão catarinense de motocross na 50cc
1997 – Campeão catarinense de motocross na MXJr
1997 – Campeão catarinense de supercross na SXJr
2004 e 2006 – Bicampeão sul-brasileiro de motocross na MX1
2006 – Campeão sul-brasileiro de supercross na SX1
2007 e 2000 – Bicampeão catarinense de motocross na MX2
2007 e 2005 – Bicampeão catarinense de supercross na SX2
2008, 2007, 2006, 2004 e 2003 – Pentacampeão catarinense de motocross na MX
2008, 2007, 2006, 2005 e 2004 – Pentacampeão catarinense de supercross na SX1
2008, 2006 e 2005 – Tricampeão brasileiro de motocross na MX
2009 – Campeão paranaense de motocross na MX1
2010 – Campeão da Superliga Brasil de Motocross na MX1
Fonte: Imprensa Geração
===========================================================================================================
A Moto Honda da Amazônia lamenta profundamente a morte do piloto de motocross João Paulino da Silva ocorrida na manhã desta terça-feira (26/06) em Santa Catarina. Conhecido como “Marronzinho”, ele representou a Equipe Honda Racing em 2010 e 2011 no Arena Cross, Superliga Brasil de Motocross e Campeonato Brasileiro de Motocross. Em 2010, ele foi campeão da Superliga na categoria MX1, considerada a principal da modalidade.

Nossos sinceros sentimentos.


Dos amigos da Equipe Honda Racing
====================================================================================================================================================================
O piloto catarinense de motocross João Paulino, conhecido como Marronzinho, 29 anos, morreu na manhã desta terça-feira, dia 26 de junho, durante os treinamentos que realizava em São José, Florianópolis.
Marronzinho treinava na pista do Bairro Potecas, onde o acidente aconteceu e se preparava para a quinta etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross, que será disputada na cidade de Sorriso, Mato Grosso no próximo final de semana.
Em nota oficial, a Equipe Honda Racing lamentou a morte do piloto, que atualmente competia pela Yamaha, mas que já representou a Equipe Honda nos anos de 2010 e 2011 quando foi campeão da Super Liga Brasil de Motocross em 2010. O piloto foi um dos nomes mais expressivos do motocross no país, conquistou o tricampeonato brasileiro e atualmente disputava provas na Superliga de Motocross e no Brasileiro de Motocross, ambos na categoria MX1.
Fonte: moto.com
=============================================================================================================
É nosso dever informar, mas é com lágrimas nos olhos que comunico que João Paulinho Marronzinho faleceu hoje cedo, durante treinamentos.
Segundo informações de nosso amigo Rogério, dono da loja Motoshop, o piloto caiu forte durante os treinos, foi chamado o resgate, que não chegou a tempo.
Outro amigo, Elton, do site BRMX, informou que o acidente aconteceu na mesma seção de costelas da mesma pista onde o piloto se acidentou no ano passado.
Recebemos mais uma informação, vinda de Garopaba, com mais detalhes sobre o acidente. Na seção de costelas, a moto teria jogado o piloto para a frente e ele não conseguiu colocar as mãos no chão. O pescoço recebeu forte impacto. Esta informação tem apenas uma fonte e ainda precisa ser confirmada.
Continuaremos atualizando esta página com mais informações.
O velório de João Paulino Marronzinho acaba de ser marcado para as 19 horas de hoje, no Centro de Cultura de Laguna/SC.
Desde já, enviamos nossos sentimentos à família do querido piloto catarinense, Campeão Brasileiro e da Superliga de Motocross, que construiu uma grande carreira.
Fonte: Jeca  Jóia, Revista Pro Moto
Acabei de ver essa foto no face do Leandro Silva. Dois jovens campeões  inesquecíveis do cross brasileiro…





Fonte: Mundomoto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Outras Matérias:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...