quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Enquete: Qual é o melhor conceito do Salão de Paris 2012?

Enquete: Qual é o melhor conceito do Salão de Paris 2012?Além dos modelos "convencionais", que cada marca apresenta nos eventos automotivos internacionais, há também espaço para os chamados carros-conceito. E no Salão de Paris 2012 eles não ficaram de fora. Algumas fabricantes mostraram no motorshow francês veículos conceituais que refletem os recursos materiais, design e tecnologias a serem utilizados em futuros modelos de produção. E MotorDream reuniu, junto com o parceiro editorial mexicano AutoCosmos.com, dez desses conceitos e quer saber dos leitores: Qual é o mais interessante? Você pode votar agora na enquete que está localizada na capa do site ou na seção MotorZine.
Veja os dez modelos escolhidos e vote no seu preferido!
1) Peugeot Onyx
Reconhecido como o conceito de Paris mais atraente do motorshow, o Onyx não é apenas a visão de um supercarro híbrido - diesel e elétrico - da marca francesa, mas também apresenta a aplicação de diferentes materiais, como cobre para alguns painéis da carroceria e das espécies de madeira criado a partir de jornal reciclado. Embora este seja um modelo que provavelmente nunca será produzido, os traços do Onyx com certeza serão usados em futuros modelos de produção da marca, ainda mais se tratando da grade e dos farois.
2) McLaren P1
Veículo de produção mais rápido da história da marca britânica. Com esse status o novo superesportivo da McLaren é uma das principais atrações de todo o Salão de Paris. Classificado com um estudo de design, o bólido aponta para uma nova geração de superesportivos da marca, que vai buscar inspiração e tecnologia ao programa de competição da fabricante britânica na Fórmula 1. O P1 é equipado com o mesmo motor V8 3.8 litros twin-turbo do MP4-12C, mas combinado com um sistema KERS de recuperação de energia que eleva a potência para monstruosos 976 cv. O tradicional 0 a 100 km/h é cumprido em apenas 2,8 segundos e a velocidade máxima de 384 km/h. O modelo que está em Paris é apenas um protótipo. Já a versão de produção só deve ser revelada ano que vem. 

3) Volkswagen Golf VII GTI

Vale ressaltar que, embora tenha o nome de Concept, o GTI apresentado em Paris é um modelo que está quase pronto para chegar a linha de produção. O mais icônico dos hatchbacks esportivos será mais leve que o seu antecessor - devido à nova plataforma modular - MQB -, e com um design mais agressivo, mas sem abandonar os elementos tradicionais que o caracterizam. Mecanicamente, a versão GTI virá com motor 2.0 litros turbo com 220 cv, e haverá um pacote de alto desempenho com mais potência - 231 cv - e menos peso.
 

4) Audi Coupé Concept Crosslane

Definitivamente um dos conceitos apresentados em Paris que parece mais longe da linha de produção, no entanto, não é menos importante. Esta concepção de veículo antecipa o desenho que a gama Q da Audi tomará no futuro e adicionalmente explora um novo chassi denominado "Multimaterial Space Frame", compreendendo materiais de alumínio, tais como polímeros de fibra de vidro e polímeros de fibra de carbono. Especula-se que na verdade o início do modelo irá evoluir como o Audi Q2.

5) Porsche Panamera Sport Turismo

A marca alemã especialista em carros esportivos continua em busca de ideias que permitam expandir sua gama de produtos e o Panamera Sport Turismo Concept é um claro exemplo disso. Tem o mesmo motor do Panamera Hybrid, no entando ele é plug-in e 2,5 horas de carga permite viagens de até 30 km no modo totalmente elétrico. O Panamera Sport Turismo Concept tem um interior muito futurista, câmeras laterais no lugar dos espelhos retrovisores e outros detalhes próprios de um carro-conceito, que se forem eliminados ficaria muito próximo a um modelo de produção. Sem contar que o design é muito mais atraente que o Panamera "convencional" comercializado atualmente. 

6) Lexus LF-CC

Com base no LF-LC, este cupê esportivo híbrido de tração traseira pode mesmo derivar, de acordo com a Lexus, num modelo de produção destinado ao segmento D. Ostentando a linguagem de design L-finesse, merece destaque a grade dianteira trapezoidal dupla deste protótipo, já patente em alguns modelos. Mais compacto que o LF-LC, utiliza as mesmas aletas na dianteira e lateral, para direcionar o fluxo de ar e otimizar a aerodinâmica e, logo, os consumos e emissões. Na traseira, os aros das rodas são largos e a terceira luz de stop está integrada na antena, do tipo barbatana. O LF-CC será a base de uma futura motorização a ser utilizada pelos sistemas híbridos da marca. Esta passará a combinar um motor de 2,5 litros com o motor elétrico. Terá como concorrente a BMW Série 3 e a Mercedes Classe C. 

7) Smart ForStars

Definido pela marca como um Utilitário Crossover Concept (CUV), o ForStars retoma por completo o desenho e a motorização - elétrica de 80 cv - do conceito ForUs, que estreou no Salão de Detroit no começo do ano, e graças a umas mudanças sutis tornou-se mais esportivo. Resulta claramente no design que terão os futuros modelos da Smart, sobretudo supondo um renascimento do ForFour. Além disso, o conceito ForStars tem equipamentos que são poucos viáveis para um futuro modelo de produção, como o projetor montado no capô que permitiria qualquer estacionamento com uma parede branca virar um drive-in.

8) BMW Active Tourer

Trata-se de um dos veículos conceituais mais importantes do Salão de Paris 2012. O Active Tourer antecipa o próximo passo da BMW no campo dos modelos de tração dianteira. O motor a combustão de 1.5 litro envia a potência para as rodas dianteiras e o motor elétrico faz o mesmo com as rodas traseiras. O futuro rival do Classe B da Mercedes não teve o tempo necessário para o carregamento da bateria de íons de lítio divulgado, a fazer-se numa tomada convencional doméstica, mas sabe-se que esta deverá assegurar cerca de 30 quilômetros de propulsão elétrica, 200 km/h de velocidade máxima e menos de oito segundos dos 0 aos 100 km/h são dados obtidos em modo híbrido, com a BMW a anunciar uma média ponderada de 40 km/l. Especula-se que a versão final vire o Série 1 GT. 

9) Nissan TeRRa

Um SUV totalmente elétrico que garante nível zero de emissão de poluentes. Empurrado por três motores elétricos, movidos a células de hidrogênio, o protótipo usa a plataforma do Leaf, tem tração nas quatro rodas e apresenta contornos futuristas. O modelo tem características off-road e interior repleto de tecnologia. O sistema do motor é o mesmo já utilizado também no Leaf, que age sobre as rodas dianteiras. Existem ainda dois outros propulsores, cada um associado a uma das rodas traseiras. Por dentro o conceito prioriza o espaço. Apesar de toda a movimentação da fabricante em torno do TeRRa, o modelo não será produzido. O carro é um conceito com o objetivo de fortalecer a mensagem da Nissan, que se diz pronta para oferecer veículos elétricos em larga escala comercial.

10) Peugeot Onyx Scooter

Sob o nome de Onyx, a empresa francesa introduziu em Paris três carros-conceito, um supercarro, uma bicicleta, e, finalmente, o scooter esta, que também utiliza painéis de cobre exteriores que contrasta perfeitamente com o acabamento fosco do resto do corpo. Sua "corcova" é removível, o que permite conduzí-la como uma scooter. Caso queira deixá-la no lugar, o triciclo vira uma esportiva. Obviamente também tem um conjunto híbrido que junta um motor de 400cc com um bloco elétrico.
  Fonte: AutoCosmos-México

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Outras Matérias:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...