domingo, 4 de novembro de 2012

Furacão Sandy afeta mercado automotivo nos EUA.

Furacão Sandy afeta mercado automotivo nos EUAFord e Toyota perderam mais de cinco mil veículos com a passagem do furacão na Costa Leste dos Estados Unidos. Nova York e Nova Jersey pararam após a devastadora passagem do furacão Sandy, que atingiu a Costa Leste dos Estados Unidos na noite desta segunda-feira. Embora nenhuma fábrica tenha sido atingida, os estragos já refletem na indústria automobilística norte-americana. Segundo o presidente da Associação dos Concessionários de Nova York, Mark Schienberg, os prejuízos ainda não foram calculados, mas 60% doos revendedores ainda estão fechados pela falta de energia elétrica. E os que já voltaram ainda tentam arrumar "a casa" e se recuperar dos estragos.
 
Segundo Schienberg, os locais mais afetados foram Long Island, Brooklyn e Staten Island. O presidente da associação revelou que das 435 concessionárias associadas, cerca de 250 ficam em Long Island. As perdas serão calculadas com a combinação de dados concretos e estimados. Os revendedores vão avaliar a quantidade de carros destrídos e os danos nas lojas e somar à diminuição do fluxo de clientes que visitam as lojas. 
 
A maioria das concessionárias não tem espaço físico para estoque e mantém seus carros armazenados em cais. No principal deles, o do Brooklyn, a Ford de Manhattan perdeu 200 unidades. A contagem da Toyota é ainda maior, com a estimativa circulando entre 4.000 e 4.500 veículos. Cerca de 800 concessionárias da Ford foram afetadas, segundo o chefe de finanças da marca, Bob Shanks, em entrevista à agência Bloomberg. Os ventos fortes, reflexos do furacão, também reduziram o fluxo das lojas em Maryland, Virgínia, Pensilvânia e Rhode Island, mas sem prejuízo material.
Fonte:  Michael Figueredo/MotorDream

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Outras Matérias:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...