domingo, 24 de março de 2013

Ford EcoSport se sai bem e Hyundai HB20 decepciona no Latin NCAP.


O Latin NCAP – órgão que mede a segurança dos carros produzidos na América Latina – divulgou os resultados de sua terceira fase de testes. Dois modelos recentemente lançados no Brasil foram submetidos ao crash-test: Ford EcoSport e Hyundai HB20. O novo Eco se saiu bem, conseguindo quatro das cinco estrelas possíveis. Já o hatch coreano obteve três estrelas, mas conseguiu apenas uma  estrela na proteção de crianças.(VEJA FOTOS DO TESTE)

Veja abaixo a nota divulgada pelo Latin NCAP:  “O Ford ECOSPORT atingiu as 4 estrelas (máximo 5) no tocante à proteção do passageiro adulto, e 3 (de 5) em relação à proteção do passageiro criança. A Ford recomenda o uso dos Sistemas de Retenção Infantil (SRI) ISOFIX, que demonstram, mais uma vez, seus benefícios a respeito do desempenho dinâmico. Mesmo com algumas das leituras de passageiros crianças não muito boas. Isso explica a pontuação de 3 estrelas obtida em vez de 4, como as atingidas pela Ford com o Fiesta em 2012.
O Hyundai HB20 hatchback obteve 3 estrelas (de 5 estrelas) quanto à segurança do passageiroadulto, e 1 (de 5) a respeito da proteção do passageiro criança. O HB20 mostrou uma boa estabilidade estrutural no teste. No entanto, os sistemas de retenção não conseguiram evitar que as cargasregistradas pelos dummies, em alguns casos, apresentassem aumentos justamente por cima dos limites superiores. Devido a essas leituras, o HB20 não conseguiu atingir as 4 estrelas. A segurança do passageiro criança deve ser melhorada. Um dos SRI quebrou pelas altas cargas às que foi submetido pelo cinto de segurança que mantinha o SRI em seu lugar. O dummy de 3 anos fez contato com o encosto do banco da frente. O dummy de 1 ano e meio, olhando para trás, também foi exposto a altas desacelerações. Essas duas situações explicam a baixa pontuação. O Latin NCAP espera ver melhoras no Hyundai a respeito desse modelo no futuro próximo.”
O Latin NCAP também explicou como um carro seguro deve se apresentar ao público:
“Para poder oferecer uma boa proteção ao passageiro, o carro deve cumprir com duas condições. De um lado, a estrutura não deve começar a colapsar, devendo providenciar espaço de sobrevivência durante o teste de batida. De outro, não só se trata de apresentar uma estrutura estável, mas também que os sistemas de retenção (airbags, cintos, protensores etc.) possam proporcionar uma proteção adequada ante as altas desacelerações. Uma boa proteção é proporcionada por aqueles carros que mostram um balanço entre estrutura estável e sistemas de retenção, protegendo apropriadamente os ocupantes.”
FONTE: MOTOR4/Sergio Quintanilha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Outras Matérias:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...